Plenitude 2017

O ano não acabou e temos alguns meses pela frente. De qualquer maneira, o vivido até aqui foi cheio de emoções. Fim de ciclos e início de outros. Morte, defesa da tese, gravidez... Um misto de sentimentos e de aprendizados. Talvez o mais importante deles foi o de sentir a plenitude. Não com tudo o... Continue lendo →

Não pedi nada

Em duas situações, uma em Istambul e outra em Lisboa, me senti uma mendiga. Mesmo não tendo pedido nada. Entretanto, o coração das pessoas resolveu entender assim. Em Istambul dou até razão pra quem nos deu um chá preto às 7 horas da manhã, na porta do aeroporto, depois de uma noite mal dormida no... Continue lendo →

Sentir de tudo

Este texto faz parte da introdução minha tese de doutorado "Convergência na educação: políticas, tecnologias digitais e relações pedagógicas", recém defendida. Nos 4 anos dedicados ao doutorado os sentimentos são múltiplos, e, muitas vezes, temos a sensação de que não vamos conseguir. Se você está em algum processo de escrita seja de TCC, dissertação ou... Continue lendo →

11 fatos sobre mim

Este blog parecia um campo selvagem em que o jardineiro esqueceu-se a aparar a relva. Há quanto tempo não escrevia. Há quem se queixe. Me admira que ainda sem postar há tanto tempo, continuo com algumas visualizações :). Tenho pensando muito neste espaço e forma inclusive de ganhar dinheiro com ele, será possível? Sem dúvida... Continue lendo →

Mais um café por BH

Pode parecer estranho mas não é fácil tomar um café por BH. Digo café espresso. Normalmente encontramos aqueles de filtro, ralos e doces. Não isso não satisfaz a minha vontade de tomar café. Por isso, sair pra tomar café com um amigo, às vezes, leva a uma coragem de atravessar a cidade, já que na... Continue lendo →

Não tirei pra lavar, tirei pra doar

Aqui no Brasil quando alguém corta o cabelo, às vezes, na brincadeira falamos: ué, tirou pra lavar? Outro dia encontrei com um colega na rua e me fez esta pergunta. Eu logo respondi: não tirei pra doar. Vai ter gente achando que estou falando isso para me vangloriar de uma "boa ação". Porém, informo de... Continue lendo →

Sobre os conflitos todos

Há quem diga que sou dominadora. Talvez eu deseje mesmo querer dominar o que será a minha vida, os passos que vou seguir daqui um ano, daqui há 10 anos... Às vezes, no auge dos meus 32 anos fico cheia de angustias pensando que as coisas não aconteceram como eu queria, ou que não alcancei... Continue lendo →

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑