Gloria – um filme sobre os sentimentos humanos

Ontem, ao invés de ir atrás do trio elétrico, fui ao cinema. Bem óbvio. Fui assistir a Gloria, o filme chileno dirigido por Sebastián Lelio e estrelado por Paulina Garcia, que trata de sentimentos humanos.

A175_C007_0101PD.0001453F

Gloria já criou os filhos (e eles não tem tempo pra ela), separou-se há mais de 10 anos e gosta de curtir a vida. A personagem tem a vida preenchida por seu trabalho em um escritório e pela frequência a  bailes da terceira idade. Depois de já ter aprendido muito sobre a vida, Gloria quer mesmo é ser feliz. Dança, chora, se apaixona e se vinga, e ri, ri muito. Ela vive sozinha tem problemas com o vizinho de cima, em crise depressiva, que não a deixa dormir. Nos bailes conhece homens de diferentes tipos e por um deles tenta assumir um compromisso sério, porém, Fernandez ainda está preso à sua família. Ela, descolada que é, não se prende muito e quer mesmo viver a vida.

Há cenas hilárias e cenas tristíssimas também. Em alguns momentos você até pensa que Gloria poderia ter 18 anos, mas, não, ela está na casa dos 60. A película  é bem moderna pelo tema e pelos diálogos. O filme se passa no contexto das revoltas chilenas realizadas em 2012, quando os estudantes reivindicavam por um educação de qualidade no país. Além disso, remete a um tema pouco tratado no cinema: da vida de pessoas com mais de 50. Quando o cinema  fala disso é sobre o fim da vida, do sofrimento, da morte, haja vista os filmes “Amor” e “E se vivêssemos todos juntos”. Por isso Gloria chamou tanta atenção dos festivais. Paulina recebeu o urso de prata, no Festival de Berlim, por sua atuação. O filme é ousado mostra cena de sexo e dela fumando maconha. Mas que problema há nisso? Gloria é mulher com muita energia e com muita sede de viver, a idade, neste caso, é o que menos importa.

Saí do cinema com vontade de sair dançando ao som de Gloria.

Só pra dar um gostinho:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s